sábado, novembro 10, 2007

O Largo da Portagem


O nome deste largo (Portagem) deve-se ao facto de, em tempos idos, aí se cobrarem os impostos sobre as mercadorias que chegavam à cidade, vindas do sul.
Aqui ficava o Pelourinho, símbolo do poder municipal, hoje na chamada Praça Velha e a cadeia da cidade que, mais tarde, foi mudada para os antigos celeiros do Mosteiro de Santa Cruz (actual esquadra da PSP).
Embora sempre tenha sido conhecido como Portagem, nome que perdura até hoje, chegou a ostentar outros nomes, como Príncipe D. Carlos e Miguel Bombarda.
Desde 1911 apresenta no centro, uma estátua de um conhecido conimbricense, Joaquim António de Aguiar, responsável pelo decreto-lei que extinguiu as Ordens Religiosas em Portugal, pelo que é popularmente conhecido como Mata Frades.

5 Comments:

Blogger Athanais said...

Adoro este sitio..

há qq coisa na baixa coimbrã que me faz adorá-la...

3:11 da tarde, novembro 11, 2007  
Blogger SoNosCredita said...

ganda Joaquim! ;p

11:31 da manhã, novembro 12, 2007  
Blogger GK said...

Conhecia a história e já vi fotos da ponte que aí existia então. :)

3:46 da tarde, novembro 13, 2007  
Blogger Sol da meia noite said...

Gosto de Coimbra.
A imagem de cima é-me bem familiar.

Obrigada pela visita.
Beijinhos

8:15 da tarde, novembro 13, 2007  
Blogger Ana Patudos said...

Foi bom ver o velho Hotel Astória , junto ao rio Mondêgo.
Foi aí que passei a minha noite de nupcias.Por tudo isso, valeu a pena rever as imagens, lindas.
Abraço
Ana Paula

8:04 da tarde, novembro 25, 2007  

Enviar um comentário

<< Home